Hoje: Ávila/Espanha

Ávila é um município da Espanha na província de Ávila, comunidade autônoma de Castela e Leão. Tem 231,9 km² de área e, em 2016, tinha 58083 habitantes. A cidade é banhada pelo rio Adaja e possui um clima de tipo continental, com verões quentes e invernos frios.

As muralhas mais famosas da Espanha rodeiam a cidade de Ávila e, dentro delas, o visitante vai descobrir um conjunto excepcional de igrejas e palácios renascentistas e se deliciar com a famosa culinária castelhana.

Quem vai falar sobre essa cidade é Inês Barghini Martins (Inesita), que fez parte do grupo da Peregrinação Mariana, organizada pelo padre Vicente Rosa Júnior. O grupo ali esteve com o objetivo principal de conhecer a cidade natal de Santa Teresa.

Fale, Inesita!

Continuando a nossa peregrinação, no décimo primeiro dia de nosso roteiro, 18 de setembro de 2017, a “família”, como nos consideramos, partiu rumo a Ávila, cidade natal de Santa Teresa.

Ávila é um município da Espanha que nos faz voltar alguns séculos no tempo, ao visitá-la. Ela foi murada desde o tempo dos romanos, e suas muralhas (sobre as quais se pode caminhar) foram declaradas Patrimônio Mundial da Humanidade, em 1985. Nossas visitas foram ao Monastério da Encarnação, onde viveu por muitos anos Santa Teresa, que foi uma das grandes místicas e reformadoras da Igreja Católica.

Tivemos também a oportunidade de conhecer a Basílica de São Vicente, a Igreja de São Pedro e o Mosteiro de São José, o primeiro fundado por Santa Teresa (em 1562), dando início a Ordem das Carmelitas Descalças. No convento, ativo até hoje, a visita divide-se em três locais: Museu Teresiano, composto de objetos pessoais e relíquias de Santa Teresa; Igreja Principal e Igreja Primitiva,uma pequena capela onde foi celebrada a Santa Missa pelo nosso diretor espiritual, o padre Vicente Rosa.

Não posso deixar de citar a oração mais famosa atribuída a Santa Teresa d’Ávila: “Nada te perturbe / Nada te espante / Tudo passa. / Só Deus não muda! / A paciência tudo alcança /Quem tem Deus nada lhe falta / Só Deus basta.

Ah! Também pudemos degustar o doce típico de Ávila, Yemas de Santa Teresa, feito à base de ovo e açúcar. Imperdível!

Compartilhar/Favoritos

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Você deve ser de logged em para postar um comentário.