Pastoral da Criança completa 25 anos de atuação em Socorro

A Pastoral da Criança completou 25 anos de atuação em Socorro, se dedicando a promover atendimento a gestantes e crianças com poucos recursos. Para comemorar as conquistas vivenciadas durante esse período, a entidade realizou no último dia 2 de dezembro um dia de ação de graças, com missa, almoço e brincadeiras para as crianças e familiares. O encontro teve a participação de cerca de 300 pessoas, a maioria pertencentes às famílias acompanhadas pela Pastoral em vinte e três comunidades da cidade e zona rural.

De acordo com Vanessa Santos, as tarefas desenvolvidas pela Pastoral, com o apoio de grupos de voluntários, têm como objetivo atender às crianças carentes desde o momento da gestação até os seis anos de idade, zelando pelo progresso de cada uma delas. As famílias também são assistidas em suas necessidades, na melhoria de suas condições, na compreensão de seus direitos e obrigações e até na erradicação da violência dentro do lar. Mesmo tendo ligação com a igreja católica, o trabalho da Pastoral atende pessoas de todas as orientações religiosas.

“Em nossas visitas – explica Vanessa – explicamos a importância do pré-natal, os cuidados com o bebê na gestação e primeiros anos de vida, benefícios da amamentação e nutrição da criança, para o bom desenvolvimento e saúde física, mental, espiritual e social; cujos reflexos perdurarão não só na infância, mas ao longo da vida inteira. Nosso trabalho é prevenir doenças, obesidade, problemas afetivos e desajustes”.

A média mensal de atendimentos na Pastoral da Criança de Socorro é de 40 gestantes e 400 famílias com crianças de até 6 anos. Vanessa cita alguns casos marcantes, como abortos evitados, atendimento de crianças com desnutrição ou obesidade, superação de dificuldades para amamentar nas primeiras semanas de vida do bebê, encaminhamentos de casos graves para atendimento médico especializado e especialmente a recuperação da autoestima de muitas famílias que se sentiam excluídas pela sociedade.

Vanessa Santos revela que para 2019 a Pastoral terá o apoio de novas tecnologias para realizar acompanhamento das famílias. Os voluntários da entidade passarão a utilizar nas visitas domiciliares um aplicativo de celular – o APP Visita –  que facilitará o acompanhamento do desenvolvimento da criança, não só pelo peso, mas também pela medição de sua altura.

“Trabalhar na pastoral da Criança não nos traz apenas satisfação em realizar algo útil pelo outro ou deixar nossa consciência tranquila – pondera Vanessa. Está em jogo o sentido da vida diante do Pai que nos conhece e ama, aquele sentido verdadeiro para o qual devemos orientar a existência e que ninguém conhece melhor do que Deus” (Papa Francisco, G.E.170).  Ela explica que fazer esse trabalho pastoral não requer capacidades especiais, mas desejo de contribuir na construção de um mundo melhor.  Queremos que mais pessoas venham participar dessa missão conosco”, convida Vanessa em nome da Pastoral.

Entidade depende do trabalho de voluntários

A Pastoral da Criança é um organismo de ação social da CNBB – Conferência Nacional dos Bispos do Brasil e atua na organização da comunidade e capacitação de líderes voluntários para orientarem e acompanharem as famílias em ações de saúde, educação, nutrição e cidadania. Seu objetivo é “desenvolvimento integral das crianças, promovendo, em função delas, também suas famílias e comunidades, sem distinção de raça, cor, profissão, nacionalidade, sexo, credo religioso ou político” – Artigo 2º do Estatuto. Mais informações podem ser encontradas no site da instituição.

Existe uma equipe de coordenação em cada paróquia em que atua. Em Socorro, Roseméia Ap. Manias coordena a equipe da Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro e Isabel Cristina Rodrigues coordena a equipe da Paróquia Nossa Senhora da Conceição Aparecida. Sua sede fica à Rua Machado Sobrinho, s/n e os telefone são 3895 2477, 99313-4327 ou (19) 99179-7930.

Compartilhar/Favoritos

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Você deve ser de logged em para postar um comentário.