A volta da Maria Fumaça a Socorro é noticiada, mais uma vez  

Leitura obrigatória

Em 1992, na edição nº 3.711, de 24 de abril, O Município destaca em matéria de capa, a volta da Maria Fumaça para Socorro. Essa mesma notícia, antes dessa data, e até hoje, repete-se em nossas páginas, mas se desfaz como fumaça, depois de algum tempo. Atualmente, é dado como certa a volta da locomotiva para Socorro. Será?

A Maria Fumaça está voltando a Socorro

Ontem sonho, hoje uma realidade quase palpável. Os entendimentos para trazer de volta a Maria Fumaça para Socorro continuam a todo vapor. Reuniões e mais reuniões, detalhes discutidos e vai tomando corpo a imagem que até agora é apenas uma lembrança, retida pelos que moram na cidade há bastante tempo.

Um trem surgindo na curva, com o seu ranger característico, gritos agudos das crianças, o apito inconfundível. É a Maria Fumaça chegando, agora com finalidade apenas turística. Uma atração a mais para a Estância, diferente de suas concorrentes vizinhas.

O empresário do ramo, Sr. José Augusto Roberto, já operando na cidade de Atibaia, levará à frente este projeto, somando aí a determinação do dr. Maurício de Oliveira Santos, Prefeito Municipal, a força do arrojado empreendedor Nadir Dalan, já conhecido por todos pela sua eficiência, as idéias do amigo Sérgio Franco, mais conhecido por Ló e tantos outros que não medirão esforços para que esse projeto se concretize.

É necessário agora, que se forme nesta cidade, um núcleo de pessoas interessadas em preservação ferroviária, a exemplo de tantas outras. Com a formação de um clube com fins culturais, fica mais fácil conseguir doações das entidades ligadas ao ramo. Os interessados nesta associação deverão entrar em contato com Eduardo Peretto, na Casa Peretto, Largo da Matriz, 315, ou pelos telefones 95-1040 e 95-1721. Se você pode colaborar de alguma forma para a concretização dessa idéia, sinta-se convocado.

Vamos juntos apagar a recordação do triste dia, em que políticos, (homens eleitos para representar o povo) mal informados, de idéias curtas e sem visão de futuro, assinaram um papel decretando a retirada de nossos trilhos, conseguidos a tão alto custo.

 

- Anunciantes -
- Anunciantes -

Últimas notícias