Começa a preocupação com a Dengue

Leitura obrigatória

Na edição número 3648, de 5 de janeiro de 1991, um alerta do Centro de Saúde de Socorro mostra que, nessa época, já começava a preocupação com “a doença chamada dengue”, e passava orientações para os cuidados que a população deveria ter, para que não surgisse a doença, na cidade. O alerta continuas vivo, até os dias atuais.

Evite a Dengue

Atendendo à programação de saúde para evitar a doença chamada dengue, transmitida pelo mosquito Aedes aegypti, cujas larvas se proliferam em coleção de água parada, o Centro de Saúde colocará areia nos vasos do cemitério para que não mais exista água parada.

Pedimos a quem tenha vasos de bronze com as canecas soltas para se apresentar na administração do cemitério para a retirada dos mesmos.

Ainda, para a prevenção da dengue, aproveitamos para orientar a todos, que cuidem de seus quintais, virando garrafas e latas vazias para que não juntem água parada: colocando areia nos vasos de plantas aquáticas; furando os pneus vazios ou, quando isso não se tornar possível, cobrindo os pneus, para que não colecionem água.

Lembrem-se toda coleção de água parada pode se tornar um foco de criadouro do mosquito Aedes aegypti.

Solicitamos que todos colaborem para evitar que essa doença apareça em nossa cidade.

O Centro de Saúde coloca-se à disposição para qualquer informação.

Drª Benizeti N. P. Rostirola

Chefe de Seção Tec. Ecmo.

Artigo anteriorEm 1980
Próximo artigoNão coube!
- Anunciantes -
- Anunciantes -

Últimas notícias