Edição 4426 relembra ondas de ataque do PCC em 2006

Leitura obrigatória

Em 2006, o PCC – Primeiro Comando da Capital fez uma série de atentados em todo o Estado de São Paulo. Na região, as cidades de Amparo, Itapira, Serra Negra e Bragança Paulista também foram alvo dos criminosos. Em Socorro, escolas, delegacia, Fórum – com ameaça de bomba – e a sede da Guarda Civil Municipal tiveram a segurança reforçada para proteger a população contra os possíveis ataques. A notícia foi destaque na capa da edição 4426, de 19 de maio. Confira trecho da matéria:

Cidade se protege contra onda de ataques e terror no estado
Socorro também se protegeu e temeu a série de atentados atribuídos ao PCC (Primeiro Comando da Capital), que tiveram início na última sexta-feira, dia 12, em todo o estado. (…).
Mesmo assim, diversas medidas preventivas foram tomadas, com ruas fechadas e reforço de segurança na delegacia, postos da PM e GM, com reforço na Prefeitura e Câmara Municipal. (…).
Nas escolas, o clima também foi tenso, principalmente na manhã de segunda-feira, dia 15, quando foram canceladas as aulas da EMEI Central, localizada ao lado do Posto da PM.

Na página 16, a matéria completa cita os números: Depois de 5 dias com mais de 250 atentados e 73 rebeliões em presídios, que paralisaram São Paulo e espalharam pânico e terror entre a população, o saldo de mortos era de 41 policiais, 4 civis e 93 suspeitos. 

Artigo anteriorPura adrenalina!
Próximo artigoEficaz
- Anunciantes -
- Anunciantes -

Últimas notícias